Universitários desenvolvem aplicativo para ampliar coleta de dados e avaliação nutricional de crianças e adolescentes de Barretos

Graças a um aplicativo desenvolvido no final de 2016 – Sistema Integrado de Avaliação Física em Saúde - SIAFS, por um grupo de universitários do curso de Sistemas de Informação do Centro Universitário da Fundação Educacional de Barretos (Unifeb), Barretos ampliará a cobertura de dados sobre a nutrição de crianças e adolescentes, de 0 a 18 anos, para o constar no cadastro do Ministério da Saúde.  Em 2016 o município conseguiu coletar dados de cerca de 700 pessoas, com o aplicativo a expectativa é coletar as informações de até 10 mil pessoas neste ano.


            De acordo com o professor do curso de Sistemas de Informação, Cleber Delalibera, a ideia surgiu após um colega docente do curso de Educação Física e que trabalha na secretaria de saúde do município, Tadeu Cardoso, expor a necessidade em ter uma ferramenta que auxiliasse na coleta de dados para o programa Saúde na Escola do Ministério da Saúde. Proposta apresentada e acolhida pela turma, especialmente por um grupo de alunos que aceitou o desafio de desenvolver um aplicativo exclusivo para atender à necessidade. A ferramenta foi desenvolvida durante 4 meses, une informações como altura, idade e peso e já faz o cálculo automático do IMC (Índice de Massa Corporal) de cada pessoa entrevistada, o que agiliza na cobertura da coleta de dados, uma vez que este processo era realizado manualmente em planilhas do programa de computador excel.  Após a inserção dos dados, o app SIAFS classifica a avaliação nutricional entre as opções: abaixo do peso, magreza acentuada, sobrepeso, peso normal e obesidade 1, 2 e 3, podendo ser consultada a qualquer momento também pelo portal www.siafs.com.br, desenvolvido pelos alunos. Os dados coletados vão direto para Ministério da Saúde a fim de priorizar o atendimento de acrianças e adolescentes que possam necessitar de intervenções médicas ou exames.


            Atualmente Barretos tem a cobertura de apenas 5% destes dados,  ou seja, apenas cerca de 700 pessoas foram entrevistadas em 2016. Neste ano, a expectativa é que, com o aplicativo, cerca de 10 mil pessoas sejam entrevistadas. A coleta de dados começa a ser realizada por equipe de universitários do curso de Educação Física do Unifeb em escolas  públicas de Barretos, durante aulas de educação física. “Foi um desafio que propus aos alunos e que tomou boas proporções, especialmente por contribuir com a sociedade”, disse o professor Cleber Delalibera.


           Já o coordenador do curso de Sistemas de Informação do Unifeb, Willians Bueno, destacou a importância da integração entre os cursos em prol do desenvolvimento profissional dos alunos, “Este é mais um projeto que integra alunos de cursos diferentes para desenvolver soluções importantes, oportunizando a prática do aprendizado”, afirmou Bueno. O professor Tadeu Cardoso enfatizou a abrangência do projeto, “O aplicativo começa a ser utilizado em Barretos, porém Viradouro também deverá implantá-lo ainda neste ano. Os alunos, hoje alguns já egressos, ganham conhecimento, o poder público ganha agilidade, a sociedade ganha saúde”, finalizou.


            Os alunos responsáveis pelo desenvolvimento do aplicativo são Lucas Emmanuel Dal’Olio, Adriel Pereira Augusto, André Porto e Vinícius Peazzentini. Todo o trabalho foi supervisionado pelos professores Cleber Delalibera, Bruno Ono Moraes e Tadeu Cardoso.

Postagens recentes

Educação Física do Unifeb participa de Congresso Brasileiro de Metabolismo, Nutrição e Exercício

Os alunos Jhonathan Moreira Guimarães e Vinícius José de Santana, do curso de Educação Física do Centro Universitário da...

V Mostra de Arte e Movimento do UNIFEB reúne grupos artísticos no dia 24

Evento contará com a apresentação de aproximadamente dez grupos de Barretos e região.Com a finalidade de promover a cult...

Engenharia de Produção do Unifeb visita indústria de pães em Bebedouro

A indústria de pães e doces Forno Paulista, localizada em Bebedouro, recebeu, nesta semana, alunos do 5º termo do curso...

Eventos pedagógicos e culturais movimentam a penúltima semana de maio no UNIFEB

Semanas das Engenharias Mecânica, Química, Elétrica, de Produção e de Alimentos; IV Colóquio de Pedagogia; Mostra de Art...