UNIFEB esteve presente em evento empresarial com suas Startups

Os alunos e ex-alunos do UNIFEB participaram do 3º Encontro Empresarial de Barretos, o “DemoDay”, evento de encerramento do programa Startup SP do Sebrae-SP.

O evento aconteceu no mês de dezembro, no Centerplex do North Shopping Barretos.

Os jovens empreendedores apresentaram em formato de 'pitch' ( cronometrados em até 5 minutos) as suas startups para o público presente, e também para o importante e um dos maiores investidores – anjo do país, João Kepler, que é especialista em empreendedorismo, startups, marketing , vendas e atua como empreendedor serial, ou seja investe desde 2008, e participa em mais de 350 startups.

O ex-aluno do UNIFEB, e formado em Sistemas de Informação; Lucas Emmanuel Dal’Olio, é empreendedor da startup TMG (Toques Moto G), fundada em 2014, em Barretos e que auxilia os usuários a colocar músicas como toques de notificação, despertador ou chamada.

“Resolvi investir em startup, pois é um modelo de negócio lean (enxuto), onde você consegue com poucas pessoas ter um bom crescimento. Além disso, o modelo de gestão de uma startup é diferente do convencional, pregamos mais um modelo do bem estar dos colaboradores, criatividade, pró atividade, com isso levamos um produto certo resolvendo o problema de quem precisa”, explicou o empreendedor Dal’Olio.

Ainda de acordo com o Dal’Olio, para participar do DemoDay houve uma preparação geral do negócio, por meio de oficinas, mentorias, e concluindo-se assim uma boa experiência no final.

“O DemoDay foi um marco para Barretos, mostra que a cidade e região tem potencial para o crescimento da tecnologia. Vários fatores podem vim a ajudar no desenvolvimento de um município, vou exemplificar: a cada R$1 investido em uma startup, este pode ser revertido em até R$6,00 para a economia local. Agora, em 2019 estamos com vários projetos para movimentar ainda mais a cidade, pois queremos colocá-la no caminho para o ecossistema de startups”, finalizou.

Vale lembrar que houve apresentações também das startups, estas que ‘nasceram’ no UNIFEB; das as estudantes do curso de Engenharia de Alimentos, Mainara Darquilla e Maria Julia Shinohara que desenvolveram uma bala de gelatina sem açúcar - enriquecidas especialmente para crianças com síndrome de down (doença genética), e dos estudantes do curso de Sistemas de Informação; Christian Henrique da Silva, e Vinicius Freitas, com a startup “Goblin Head”, com um projeto de jogo para smartphone; o “Dungeons and Kitchens”.


Postagens recentes

2ª Exposição de Projetos Integradores aconteceu no UNIFEB

Nesta terça e quarta-feira (11 e 12 de junho), foi realizado a 2ª Exposição de Projetos Integradores dos Cursos do UNIFE...

Mutirão da Saúde Bucal atende a Instituição ABAVIN no UNIFEB

A saúde começa pela boca, por isso é imprescindível manter os dentes, a gengiva, a língua, o ‘céu’ da boca e os lábios l...

Jogos de Memória desenvolvidos no FEB 360º viram atividade no projeto de escola municipal

25 kits de Jogos de Memória construídos pelos alunos dos Cursos de Pedagogia e Serviço Social, no Espaço Maker – FEB 360...

Oficina de Youtuber com Slime está com as inscrições abertas no Happy Code

Mais que uma modinha passageira o  slime se mostrou uma brincadeira que veio para ficar, tanto que alguns profissio...